Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Palavras chave

Liga  português  akitã  dicionário  Denki  

Últimos assuntos
» Prologo [Roy “O Rubro” Steel]
Ontem à(s) 09:03 por Saphira

» Ascensão [Dados]
Ontem à(s) 09:01 por Admin

» A Vingança Élfica 3D&T Alpha
Sab 11 Ago 2018, 10:04 por Saphira

» Dados Vingança Elfica
Dom 05 Ago 2018, 16:09 por Admin

» Sem Base !
Sab 04 Ago 2018, 09:13 por Saphira

» Vingança Élfica 3D&T Alpha [Off ]
Sab 04 Ago 2018, 09:12 por Saphira

» Zakharov: [Ascensão]
Sab 04 Ago 2018, 09:04 por Saphira

» NPCs [Aliados]
Seg 23 Jul 2018, 10:05 por Saphira

» Papo Livre
Sex 01 Jun 2018, 09:38 por Saphira


Prologo [Roy “O Rubro” Steel]

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

Re: Prologo [Roy “O Rubro” Steel]

Mensagem por Saphira em Ter 03 Jul 2018, 15:53

Montanhas Uivantes:
Mês 9 - Exinn
Tir 3, Exinn, 1410 CE.

-Tudo bem. Vou explicar o que vamos fazer...

Algumas horas se passaram no acampamento improvisado. Hoshi aproveitava o momento de calmaria e preparava para começar a invasão. Na mesa estava o mapa da região, uma grande aquisição e presente dado por "Carmesim". Hoshi apontava para as áreas que deveriam invadir e explicava em detalhes para o "Rubro" o que deveriam fazer. Seria uma semana de caminhada por terreno de dificil acesso e algumas ruínas de vilarejos. Abrindo caminho até a cidade dos lefeus e provavelmente o exercito permaneceria em suas extremidades atraindo e dispersando o maximo seus inimigos dando a eles uma falsa invasão e chamado para guerra, pois diferente de Laponya e Carmesim seu exercito era composto de Humanos e Semi-Humanos, ela não tinha a intenção de sacrifica-los.

-O segundo grupo (Laponya e o Balmung) devem nós encontrar quase na entrada da cidade. Carmesim já vai estar lá causando o caos necessário com seu exercito de mortos-vivos e Toscos. Quando você estiver na cidade, nossa prioridade é destruir primeiro as três estruturas que eles chamam de "Usinas" e simultaneamente a estrutura que chamam de "Quartel", assim que conseguir destrui-las vamos avançar em um ultimo ataque conjunto destruindo à cidade, nesse momento acho que você já deva conseguir adentrar no Castelo de Aharadak... No Castelo você só vai enfrentar além da própria estrutura os guardas lefeus do lugar, Aharadak não vai conseguir convocar os demais Lefeus que vão estar ocupados lutando do lado de fora da estrutura...

Hoshi foi bem repetitiva explicando ao Roy sobre o ataque, pois ao sair daquele lugar não teriam mais nem um minuto de paz. Dava detalhes bem especificos de como agiria e o equipamento que tinha para usar, graças à inumeras proteções magicas ou vindas de suas habilidades pessoais não seria dificil andar pelo lugar, mas a lista de criaturas que poderiam enfrentar saria de um simples Dragão branco corrompido a inumeras criaturas Lefeus estranhas não encontradas na fronteira, fazia questão de mostrar um livro com poucas instruções e gravuras representando cada uma delas.

Ela esperava alguma opinião do Roy, em andar por aquele lugar deslocando seu exercito ou qualquer outro assunto além do que estava sendo comentado naquele momento. A noite chegava com a pesada chuva acida que encharcava a todos, isso deixava o ambiente mais escuro que o normal, mas ainda não dificultava a visão daqueles que permaneciam nas trincheiras, foi em pleno silencio que todos foram convocados e as ordens do momento era preparar-se para seguir em marcha até a cidade, seria asemana mais longo e cansativa para todos.

Fora da tenda Rubro via a sua frente enfileirados os soldados bem equipados com o básico, duas espadas, uma pistola ou mosquete, alguns com lanças e arcos, todo o material forjado em Aço-Rubi. O simbolo no peito de todos representava um circulo completamente escuro crivado de pequenas constelações que brilhavam em uma tonalidade rosada que se destacando mesmo naquele ambiente onde tudo era rubro. O Estandarte que alguns carregavam ostentava a imagem de um dragão serpente entre a noite estrelada, era o simbolo adotado pela Hoshi e usado por seu exercito, além do simbolo sagrado de Laurina no peito de todos.

Além das armas de fogo o exercito era acompanhado por inumreras carruagens que guardavam canhões e outras armas exoticas. Hoshi saia de sua tenda e parava frente ao exercito, acenava para todos. Estava com sua vestimenta de batalha completa, ao seu lado estava o "Rubro".



OFF: Isso tudo é a base que ela tem em equipamento e efetivo. Criaturas que pode encontrar além dos monstros tradicionais da Tormenta.
Hoshi Serizawa: Aliado Exercito "Sugoi" ( variado, Arma de Cerco); 2 x aliados construtos "Sugoi", Kishin reconstruido.
Itens: Armaduras Aço-Rubi +1 A, Armas Aço-Rubi PdF/Força +1, Granadas e Barril de Polvora, Armas Exoticas, Estandarte (Poder Variado),
Criaturas: Alma Acorrentada, Enxame Infernal, Esmagador Coletivo, Falcão Fatídico, Fantasma da Tormenta, Golem de Materia vermelha, Incubador, Infecto, Limo Sangrento,

( Se indagada sobre o Tal Carmesim, ela fala demostrando não gostar do mesmo: Um desconhecido que converteu-se em devoto da Laurina, ganhou prestigio ao conseguir inumeros mapas de rotas secretas das Montanhas Uivantes, matando o Abelardus e o transformando junto a seu bando em toscos, ampliando ainda mais seu exercito particular de Toscos e mortos-vivos. Usa um equipamento especial em teste dado a poucos na ordem).



★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★
Tesouro grupo
avatar
Saphira
Barão
Barão

Mensagens : 298
Pontos de Experiência : 1853
Boa Fama : 16
Data de inscrição : 28/08/2016
Idade : 23
Localização : Templo da Morsa Anciã Sagrada

Ficha do personagem
Básico:
Vantagens/Desvantagens/Perícias:
Descrição História:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prologo [Roy “O Rubro” Steel]

Mensagem por Oz em Dom 15 Jul 2018, 15:57

O Rubro

Uhm entendi, e eu devo ir para o quartel ou para as usinas? Assim que estivermos prontos, podemos partir.

★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★
Estamos ai... Se precisar é só falar...
Iolas Balefrost - Vingança Élfica
Dante e Lucius - Fúria de Titans
Roy " O Rubro" - Aventura Zakharov (Campanha Épica)
avatar
Oz
Lorde
Lorde

Mensagens : 1398
Pontos de Experiência : 9055
Boa Fama : 10
Data de inscrição : 22/05/2012
Idade : 33
Localização : Guarulhos

Ficha do personagem
Básico:
Vantagens/Desvantagens/Perícias:
Descrição História:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prologo [Roy “O Rubro” Steel]

Mensagem por Saphira em Sab 21 Jul 2018, 10:04

Montanhas Uivantes:
Mês 9 - Exinn
Tir 3, Exinn, 1410 CE.


-Então fica a tua escolha, defina qual lugar você vai ficar encarregado de destruir, mas lembre-se assim que adentrarmos na cidade o senhor vai estar por sua conta e risco, pois estarei muito ocupada distraindo o restante das aberrações...

Ela continuava a explicar mais sobre os lugares no mapa,mostrava o ponto de ataque escolhido por Rubro na cidade e como deveriam chegar ali.

-Vamos nós separar, eu devo guiar o exercito a vista do inimigo, enquanto você vai na frente por outro caminho...

Mais tarde longe dos outros oficiais, Hoshi Serizawa tirava um bracelete que estava usando, o colocava em uma das almofadas perto da mesa central. A peça era finamente trabalhada com uma bela embarcação que cortava o céu noturno entre inúmeras constelações e na base da manopla estava um rubi incrustado.

-Aurora vai te proteger... Antes do Rubro perguntar sobre quem era Aurora a manopla mudava de forma o metal se liquefazia e ganhava uma forma feminina o construto não demonstrava reação nenhuma apenas ficava encarando Hoshi a espera de suas ordens.

-Senhor Roy, como o Senhor bem sabe minha outra especialização e criar construtos ela é feita de um metal liquido e pode assumir a aparência de qualquer pessoa ou objeto que tenha mais ou menos o seu próprio tamanho, mudar de forma e cor. Ela é minha conjuradora e me ajuda muito, claro sem contar que ela vira uma embarcação enorme voadora... Hoshi sorria e levantava as mãos -Sei!...Eu sei, não precisa me encarar com essa cara de surpresa, sou uma inventora e amo o que faço, agora nessa missão ela vai te dar apoio com sua magia e um meio de fuga caso seja preciso... Por fim você vai ter ajuda de mais quatro excelentes guerreiras, na sua tenda elas estão a tua espera, por favor tome muito cuidado e cuide bem delas...

Hoshi tocava em Aurora e ela mudava de forma o metal liquido grudava-se no antebraço do Rubro moldando-se em uma manopla com os mesmos desenhos de antes e lá estava o rubi em sua base incrustados. Hoshi dava sua benção por Laurina a Roy, mostrava o mapa em miniatura que surgia em uma imagem ilusoria sobre o rubi da manopla, Aurora mostraria o caminho, explicou que logo ele teria uma ligação telepática com ela, e receberia algumas magias de proteção que faltavam a ele. Logo que deu suas ultimas explicações ela saiu reunindo o exercito para seguir caminho até a cidade, Roy em sua tenda se deparava com suas ajudantes apreensivas que ficavam a sua frente esperando por suas ordens, teriam que seguir seu caminho por outro ponto até a cidade.

Depois dos preparativos Roy seguia seu caminho guiado pelo mapa que era projetado pela manopla assim que ele pedia. O caminho tortuoso pelo lugar consumia muito tempo do grupo, sem contar que o ambiente se mesclava naquela cor horrível rubra, as inúmera correntes de mesma cor jogadas no que foi neve um dia incomodava a todos, pois tornaram muitas.

Ao longe ao perturbador pairava aos olhos do Roy, aquilo que ele via era fora do normal um enorme resto de celeiro e uma casa grande tomada pela corrupção, o que mais chamou sua atenção além das correntes no chão eram as inúmeras figuras humanóides andando pelo campo rubro de quatro. Antes do guerreio tentar algo um som estridente soava pelo campo chamando a atenção dos humanóides que em disparada seguiram rente ao Roy, seus olhos brilhavam se destacando do cenário rubro, podia sentir a sede de sangue daquele bando que seguia em direção do grupo.Roy não conseguia ver direito quem estava comandando o "rebanho humano" que tomava seu campo de visão por completo teria que passar por entre aquele bando e enfrentar quem os comandava antes de aparecer coisa muito pior do que simples corrompidos.



OFF: Bom, vamos agora brincar um pouco de God of War Razz
Magia: Ligação Telepatica com Aurora até o final da aventura, ela usou a magia, não sei se você quer ficar ligadão com ela?;
Vantagem: "Aliado" Temporário com Aurora até o final da aventura;
Vantagem: "Grunts!" Temporário até o final da aventura (Grupinho que te acompanha);
Pode fazer mais perguntas a Hoshi antes de partir;
Pode pedir para Aurora mudar de forma para qualquer objeto, ou na forma humanóide que você queira para ajudá-lo em combate;
Grunts! para você usar como bucha de canhão em alguma tarefa dentro e fora do combate;
Teste Habilidade para ver quem é que está comandando os escravos para o ataque,lembrando que pessoal vai te atacar, agarrar, morder, lamber etc...


Escravos Lefou, 7N
F2 (esmagamento), H3, R1, A1, PdF0; 5 PVs, 5 PMs; kit Criatura da Tormenta (afinidade, sentidos e imunidades da Tormenta) e Escravo (obediência eficaz); Lefou (monstruoso); Patrono (Aharadak); Devoção (servir Aharadak) e Insano.
Obediência Eficaz: quando agir sob Comando de Aliado, o escravo recebe H+2.




★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★
Tesouro grupo
avatar
Saphira
Barão
Barão

Mensagens : 298
Pontos de Experiência : 1853
Boa Fama : 16
Data de inscrição : 28/08/2016
Idade : 23
Localização : Templo da Morsa Anciã Sagrada

Ficha do personagem
Básico:
Vantagens/Desvantagens/Perícias:
Descrição História:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prologo [Roy “O Rubro” Steel]

Mensagem por Oz em Dom 22 Jul 2018, 13:54

O Rubro
Roy, indica alguns pontos no mapa, orientando alguns lugares que seriam bom evitar, usando seu conhecimento como explorador de tormenta.

--Hoshi, sobre ir para o quartel ou para usinas, vou para onde você achar que devo ir. Qual dos dois lugares vocês terão mais vantagem, podem escolher. (Off: Imagino que a Hashi escolherá e esta tudo certo)

Ao ver a Aurora:

--Você realmente é bem inteligente Hoshi, entendo agora porque é uma das cabeças por trás do ataque. Bom, agora devemos partir, que Valkaria e Laurina nos ajudem. 


Ao encontrar com as Guerreiras:


--Sabemos que nossa tarefa é difícil, mas não iremos fraquejar, mostraremos para esses invasores que o lugar deles não é aqui.


Com as criaturas:


--Vamos ficar juntos, e avançar aos poucos. Umas de costas para o outro.  


Roy se coloca na frente dos outros, erguendo sua espada, ataca a criatura mais próxima.






Off: Roy vai deixar sim a ligação, tentando durante o caminho, saber como ela indo na sua empreitada.
Off2: O que Aurora tem ? Para saber o que posso usar. Off3: Quantas guerreiras são?

★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★
Estamos ai... Se precisar é só falar...
Iolas Balefrost - Vingança Élfica
Dante e Lucius - Fúria de Titans
Roy " O Rubro" - Aventura Zakharov (Campanha Épica)
avatar
Oz
Lorde
Lorde

Mensagens : 1398
Pontos de Experiência : 9055
Boa Fama : 10
Data de inscrição : 22/05/2012
Idade : 33
Localização : Guarulhos

Ficha do personagem
Básico:
Vantagens/Desvantagens/Perícias:
Descrição História:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prologo [Roy “O Rubro” Steel]

Mensagem por Saphira em Sab 28 Jul 2018, 09:07

Montanhas Uivantes:
Mês 9 - Exinn
Tir 3, Exinn, 1410 CE.

Roy assim que percebeu o que estava por acontecer tomava a iniciativa do seu grupo, como aceitou manter sua ligação telepática com Aurora, ele precisava apenas pedir sua ajuda em combate ou mante-la escondida do inimigo. Rubro ficava de costas para as demais que seguiram seu comando, no final foi uma ação inteligente, pois a primeira trupe de corrompidos foi abatida com muita facilidade.

O pequeno grupo se defendia como podia, era facil acabar com aquelas pessoas tomadas pela corrupção vendo que a grande parte delas se jogava sobre o grupo Roy, que por sua vez não encontrava dificuldades em eliminar cada criatura que tentava ataca-lo, claro poderia fazer aquilo o dia todo, mas o acumulo de corpos em volta do bando já começava a dificultar as ações das guerreiras a seu comando.

A poucos metros do ser que convocava os demais Roy pode ver claramente dosi borrões enormes que destruíam tudo a sua frente, ao menos assim ele pensava devido ao estrondo que cada sombra fazia ao tocar o chão e o barulho de o que poderia ser madeira e pedras sendo destruídas.


OFF: Próximo post você chega perto da criatura que esta convocando os humanoides corrompidos, mas também esta mais perto das criaturas enormes que estão chegando vagarosamente e destruindo tudo. continue destruindo todos sem rolar testes, caso pare de ataca-los na próxima rodada você vai enfrentar uma (Horda de humanoides corrompidos), mais o carinha da corneta e as duas criaturas enormes que não apareceram ainda

★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★★
Tesouro grupo
avatar
Saphira
Barão
Barão

Mensagens : 298
Pontos de Experiência : 1853
Boa Fama : 16
Data de inscrição : 28/08/2016
Idade : 23
Localização : Templo da Morsa Anciã Sagrada

Ficha do personagem
Básico:
Vantagens/Desvantagens/Perícias:
Descrição História:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Prologo [Roy “O Rubro” Steel]

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum